9 séries para acabar com qualquer tipo de preconceito


Alô, alô, você sabe quem eu sou? O post que vai enaltecer as séries teen que abordam temáticas importantíssimas em busca de derrubar qualquer tipo de preconceito! Ah, e vão rolar alguns spoilers então siga com cautela e com o coração aberto <3

1. A queridinha “13 Reasons Why” não está no topo a toa, não é mesmo. Afinal, a série aborda assuntos bastante sérios como suicídio, bullying, estupro e diversas formas de abuso. Além desses temas pesados e mega importantes de serem debatidos, a sexualidade também é um tema presente através de mais de um personagem. A própria Courtney (Michele Selene Ang) não assume sua homossexualidade nem para si mesma, enquanto Tony (Christian Navarro) e Ryan (Tommy Dorfman) são assumidos e inclusive têm um relacionamento em dado momento. É legal comparar essas duas situações acerca do tema pois existem inúmeras e com certeza muitas pessoas que se identificam com algum dos personagens. Além da própria Courtney ser asiática e ter dois pais homens. Sem falar que o elenco da série é bem diverso, abrangendo diferentes formas de representatividade.

2. Pretty Little Liars” pode ter acabado agora, mas nos deixou diversos ensinamentos. A série nunca se tratou apenas de desvendar quem era -A ou os milhares de mistérios que ficavam no ar a cada episódio, e sim, sobre os personagens que habitavam em Rosewood. Todas as Liars sofreram e até praticaram bullying em determinados momentos. Quem não se lembra da Hannah (Ashley Benson) recebendo porquinhos por ser gorda ou de Emily (Shay Mitchell) tendo de lidar com os descobrimentos sobre sua sexualidade e com seus pais? Mona (Janel Parrish) e Lucas (Brendan Robinson) foram menosprezados e excluídos por serem nerds durante a época da escola, mas o mundo dá voltas né bebês, e assim acompanhamos como a inteligência dos personagens foi super importante não só para a narrativa mas para suas superações. Infelizmente, muitos traumas não são superados e quem acompanhou a série até o final viu o que aconteceu com Mona. Sem falar em uma grande virada na trama quando descobrimos que Charlotte (Vanessa Ray) é um personagem transgênero. Ela nasceu como Charles mas não se identificava com o gênero masculino. Se pararmos para pensar em todos os detalhes ao longo destes 7 anos, vamos perceber que “PLL” buscou falar sobre diversos preconceitos e trazer seus debates à tona!

3. A própria sinopse de “The Fosters” já mostra a que veio e choca os preconceituosos de plantão. Duas mulheres formam uma grande família com filhos biológicos e que foram acolhidos, sendo que cada adolescente apresenta seus próprios dilemas, além de serem de diferentes etnias e idades. Ainda não conhece os Fosters? A Netflix tem 3 temporadas disponíveis com essa família nada convencional que nós amamos.

4. Outra série disponível na Netflix é a maravilhosa “Degrassi: Next Class” que acompanha a vida dos alunos do colégio Degrassi. Quem não ama dramas adolescentes na escola? Os triângulos amorosos, os descobrimentos, os perrengues… Quem não se identifica, não é mesmo? A série é uma dramédia que aborda temas como homossexualidade, acidentes e traumas, debates sobre religião através de personagens muçulmanos, gravidez na adolescência, doenças e por aí vai. Vale super a pena assistir!

5. Já ouviu fala na série norueguesa chamada “Skam“? Não? Então segue aqui com a gente! Se voce já assistiu “Skins” pode achar algumas semelhanças – além do nome. São jovens noruegueses, que vivem uma cultura completamente diferente da nossa, mas dramas universais. Cada temporada tem o foco em um personagem sendo o principal, então diferentes debates são propostos. Com diferentes pontos de vista em cada temporada, os conflitos dos estudantes se misturam com temas como a religião islâmica, por exemplo.

6. Outra dica é a série “My Mad Fat Diary“. Dentre outros temas, o foco principal da série é falar sobre depressão através da personagem principal, Rae (Sharon Rooney), que é uma jovem acima do peso e que tem de lidar com problemas mentais. Quer uma cena profunda da série? Dá play aqui então e sente o impacto com a gente!

7. Podemos abrir um espacinho para falar de “The 100“? Diferente de todas as outras, ela não envolve jovens adolescentes e problemas relacionados à escola, mas na luta contra o preconceito ela é rainha! Se você assiste com certeza já reparou que a liderança dos clãs está sempre nas mãos de uma mulher, certo? E apesar de serem jovens e terem de assumir essa enorme responsabilidade, Clarke (Eliza Taylor), Octavia (Marie Avgeropoulos) e Raven (Lindsey Morgan), são as protagonistas e dão um show de GirlPower, provando que mulheres podem ser ótimas líderes sim! Que vídeo maravilhoso esse reunindo vários momentos de lacre feminino com o hino “Who Run The World” ao fundo!

8. Cadê os eternos Gleeks? (Façam um L na testa por favor em uma homenagem nostálgica ~lágrimas~). Tá aí uma série repleta de discussões e lutas contra preconceitos que nunca deve ser esquecida! Os perdedores do clube do coral são os protagonistas, nos envolvendo com diversos temas, emoções e, claro, músicas. Sexualidade, gravidez na adolescência, Rachel Berry (Lea Michele) e seus dois pais homens, bulimia e praticamente tudo que você possa imaginar em 6 temporadas de muito amor, sorrisos e lágrimas. Ai ai, que saudades de “Glee” e de vários personagens inesquecíveis, me gusta <3

9. Encerrando nossas dicas de séries que acabam com qualquer tipo de preconceito, vale citar outra saudade chamada “Faking It“. A amizade entre Karma (Katie Stevens) e Amy (Rita Volk) passa por diversos desafios quando a loirinha passa a questionar sua orientação sexual e se sua amizade com ruivinha não seria mais do que só amizade. Mas além disso, o que queremos destacar é a personagem de Lauren Cooper (Bailey De Young), a “irmã” de Amy, ser intersex. A intersexualidade é qualquer tipo de variação de caracteres sexuais, é como se Lauren tivesse nascido sem um gênero definido e ela tem de tomar hormônios femininos para definir seu gênero. É um tema muito pouco debatido, né? Então mais um motivo para amarmos essa série que se foi cedo demais!

Quais destas séries são as suas favoritas? Xô preconceito, aqui só temos espaço para o amor <3

Imagem Destaque: (Reprodução/Zoey Grossman/Instagram/Elle Magazine)

Comentários

What's Your Reaction?

HAHA HAHA
0
HAHA
Amei Amei
14
Amei
Triste Triste
0
Triste
Que? Que?
0
Que?
OMG! OMG!
1
OMG!
Aff... Aff...
1
Aff...
Arrasou Arrasou
2
Arrasou
Ranayra Camara
Viver a vida com simpatia e bom humor é meu lema. Tenho 23 anos, amo cultura pop, sou viciada em séries e sorvete. Leonina com os dois pés em peixes, sou muito emotiva sim. Quem quiser conhecer mais, só vem @ranycamara

Comments 0

Deixe uma resposta

log in

reset password

Back to
log in
Choose A Format
Personality quiz
Series of questions that intends to reveal something about the personality
Trivia quiz
Series of questions with right and wrong answers that intends to check knowledge
Poll
Voting to make decisions or determine opinions
Story
Formatted Text with Embeds and Visuals
List
The Classic Internet Listicles
Video
Youtube, Vimeo or Vine Embeds
Audio
Soundcloud or Mixcloud Embeds
Image
Photo or GIF
Gif
GIF format