Fale conosco

O que vc está procurando?

Notícias

Taylor Swift fala sobre feminismo para a revista “Maxim”

Taylor Swift arrasou como capa da revista Maxim e contou um pouco mais como se sente em relação ao ser Top 1 nas paradas e sobre suas canções mais feministas.

“Sobre ser a número um: É realmente muito legal e um incrível elogio. Esse ano tem sido o meu favorito até agora. Eu fiz um álbum exatamente da maneira que planejei fazer. Consegui moldá-lo da forma que sonhei. Cada um desses tipos de fantasias e ideias são frutos da minha imaginação. Os vídeos – estou orgulhosa deles, estou orgulhosa da turnê, estou orgulhosa do jeito que tudo tem acontecido. Em meio disso tudo eu sinto que tem sido muito legal, sinto que é uma maravilhosa celebração do meu ano preferido.”

“Sobre músicas feministas: Honestamente, eu não tinha uma definição precisa sobre feminismo quando eu era mais jovem. Não conseguia ver de todas as maneiras que o feminismo era vital para o nosso crescimento no mundo em que vivemos. Lembro que costumava dizer “Oh, feminismo não está no meu radar”, foi porque eu olhava para isso tudo com olhares de criança e agora eu vejo como uma mulher. Agora vejo os dois lados da coisa, os dois padrões, os dois lados da história. Antes, um homem escrevendo sobre seus sentimentos era considerado corajoso e uma mulher escrevendo sobre seus sentimentos era depressiva. Hoje, a miscigenação fez com o que as pessoas refletissem sobre o assunto e o feminismo é um dos movimentos mais importantes para mim porque é apenas outra palavra inventada pelo mundo para definir igualdade.”

Taylor mostrou que se importa com a força das mulheres e está orgulhosa de poder ser mais uma voz para gritar pelo feminismo. Temos orgulho de sermos seus fãs Taylor!

e3d8ddaa-4c88-4bd2-85e2-eb73f595c6d6