Fale conosco

O que vc está procurando?

Música

10 coisas que aconteceram no show do OneRepublic em SP que ninguém contou!

Depois de arrasarem na noite de abertura do Rock In Rio 2015, a banda OneRepublic fez um show memorável na cidade de São Paulo, ontem, dia 20, no Espaço das Américas.

A apresentação que ficou marcada como a última da turnê mundial Native, levou cerca de 6 mil fãs à loucura, que cantavam com paixão os hits do grupo americano liderado por Ryan Tedder, hitmaker responsável pela composição de músicas de álbuns como “1989” da Taylor Swift, “V” do Maroon 5 e “My Everything” da Ariana Grande.

O Febre Teen esteve no show e trouxe para você 10 coisas que aconteceram por lá que ninguém contou!

Confira:

1. Ryan disse que a partir de agora todas as turnês da banda deverão obrigatoriamente passar pela América do Sul. É uma exigência que o OneRepublic fez para seus empresários depois de perceber o amor que eles receberão passando pelo Brasil, inclusive Ryan disse que São Paulo foi a melhor cidade que recebeu a Native Tour!

2. A banda sentiu que estava devendo por 8 anos tocar músicas ao vivo para o público brasileiro, e por isso iria nos compensar com um show memorável.

3. O OneRepublic está fazendo um novo álbum que será lançado em 2016. O que ninguém esperava, é que eles estão usando alguns músicos brasileiros para compor o material! Eles até chegaram a gravar em um estúdio de São Paulo.

4. Ryan confessou que por causa do novo álbum, talvez seria a última vez que eles estariam cantando algumas músicas ao vivo, que foi o caso de “Preacher”. Pois é… parece que o público paulista foi o último a ouvir essa música. 🙁

5. Se você acha que os fãs só ligam para o vocalista da banda, está muito enganado! Todo mundo cantou parabéns para Zach Filkins, guitarrista principal do OneRepublic. Foi lindo!

6. No palco central montado no meio da platéia, a banda tocou uma versão acústica de “Good Life”, e incluiu “São Paulo” na lista de cidades da letra da música! Além disso, o telão mostrava imagens da capital paulista e uma bandeira do Brasil.

7. Além de ser um cantor e compositor incrível, Ryan ainda arruma tempo de ser piadista. Antes de cantar “Counting Stars” – um dos maiores hits da banda – ele falou para o público: “essa próxima música talvez ninguém conheça, mas nós vamos cantar mesmo assim”. HAHAH, até parece, né Ryan?

8. Ryan arriscou algumas palavras em português. “Obrigado”, “Vocês são foda!”, “Eu te amo” e “Acabou”. Ele disse que tem um Google Tradutor na cabeça, hahahha.

9. A banda dá ouvido aos fãs! Depois de receberem inúmeros pedidos para performar “Burning Bridges”, Ryan entoou o primeiro verso e o primeiro refrão da canção para enlouquecer todo mundo de vez.

10. Ryan tomou vinho e tomou um banho (literalmente) de cerveja antes da canção final “If I Lose Myself”. O cabelo dele ficou uma beleza, viu?

Resumindo: foi tudo perfeito e emocionante! Ryan abusou dos falsetes impecáveis e a banda se mostrou totalmente empolgada com o público brasileiro.

Já queremos um novo álbum e nova tour logo, para esses lindos voltarem o mais rápido possível! <3

or spp