Ian Somerhalder fala sobre a jornada de Damon Salvatore em ‘The Vampire Diaries’!

The Vampire Diaries está a apenas 3 semanas de seu episódio final.

Em entrevista ao Ew.com, o ator Ian Somerhalder que deu vida ao personagem Damon Salvatore nos últimos 8 anos, faz uma retrospectiva sobre a jornada do personagem em toda a história de TVD. Confira:

“Quando eu assisti o piloto eu disse ‘isso [a série] está definitivamente indo à algum lugar”. E então as primeiras reações e pontuações da série foram divulgadas e era bem claro que as pessoas estavam amando e assistindo.  A série tem declínios e fluxos, mas nós tivemos uma consistente e amorosa fanbase.
Para mim, a primeira temporada foi apenas o auge do Damon. Foi o ápice da habilidade do personagem de brilhar através da narrativa. Eu amava aquilo. Era muito divertido. Tudo relacionado à Damon e Vicki, a dança na casa Salvatore…

Na segunda temporada, Damon luta e reconhece quem ele é e que sente falta de ser humano – tiveram ótimas cenas que vieram desta narrativa. Mas eu amava a primeira temporada: a luta do Damon para achar seu amor apenas que perceber o egoísmo daquele amor e reconhecer também que ele foi deixado e que ele não era tão bom quanto seu irmão, Stefan, aos olhos da mulher que ele amava (Katherine). Esse tipo de problema, eles são reais. Mas tem sido incrível trabalhar em diversas cenas muito bem escritas ao longo da série. 170 episódios, isso é loucura. Isso é muito!
Damon teve muitos momentos divertidos. Ele teve uma boa jornada. Ele teve ótimas falas, grandes cenas, foi muito à ser feito e eu aprendi muito. Eu aprendi o quão importante é interpretar esse personagem e navegar nas aguas de estar numa série de sucesso global.

Essa experiência me transformou em um homem. Me fez entender a verdadeira responsabilidade. Me ensinou como trabalhar nessa indústria para que eu agora possa seguir em frente e contar histórias. Eu tive a chance de conhecer muitas pessoas maravilhosas. Me deu a habilidade de trabalhar com grandes pessoas e ter uma família aqui na Georgia. Esses relacionamentos são maravilhosos. Eu amo esse tipo de relacionamento. Eu sou quase um homem de 40 anos. Eu comecei a serie quando tinha 30. Paul agora tem 34, eu tenho 38. Nós nos tornamos homens. Isso é ótimo.
A série tem sido uma experiência maravilhosa e poderosa”

Sem dúvida o personagem Damon Salvatore fará muita falta para nós, e aparentemente para o Ian também.

Qual a memória mais marcante do Damon para vocês?

Thay Teixeira

20. Carioca com coração paulista. Produtora de Moda. Estudante de Produção Cultural. Fã das sagas que não fazem sucesso e das bandas que esqueceram o que é produzir música. Twitter: @0penfire / Instagram: @thaaayteixeira

1 comentário

Comentários

Seu email não será publicado.

Copyright ©2019, Febre Teen - Todos os direitos reservados | Inovalize