Fale conosco

O que vc está procurando?

Seriados

Madelaine Petsch de ‘Riverdale’ fala sobre o empoderamento feminino mostrado na série!

Que Riverdale é uma série que só tem mulheres poderosíssimas, não podemos negar! Fica até difícil escolher a maior rainha da série não é mesmo?

E provando cada vez mais o porquê de amarmos tantos as atrizes de Riverdale, Madelaine Petsch, que interpreta a poderosa Cheryl Blossom, concedeu uma entrevista à Status Magazine. Nela, a atriz fala sobre sua personagem, seu trabalho como atriz e aproveita para falar sobre o empoderamento feminino mostrado na série. Confira a entrevista:

Sobre o seu trabalho como atriz:

“Eu sempre soube o que eu devia fazer da vida e me sinto muito sortuda por ter encontrado minha paixão tão jovem. Eu cresci e vivi entre a África do Sul e Washington e dancei, atuei e cantei desde muito pequena. Comecei num teatro local e trilhei meu caminho. Após minha formatura no ensino médio, focado em artes, me mudei para Los Angeles. Enquanto fazia um trabalho, David Rapaport – diretor de elenco de Riverdale- me disse que ele tinha um piloto para o qual eu seria perfeita. No dia seguinte, eu recebi um email sobre o papel de Betty. Mas quando eu fui até lá, todos murmuravam ‘Cheryl Blossom’. Eu estava sendo cotada para um papel que eu não havia lido ainda, e após uns meses, eu ganhei o papel de Cheryl e o resto é história.”

Sobre Cheryl Blossom:

“Eu era uma fã dos quadrinhos da Turma do Archie – meu pai costumava entregá-los à mim no café da manhã, mas dar vida à um personagem, tirá-lo das páginas e transformá-lo num ser humano, é um processo bastante divertido. Roberto Aguirre- Sacasa realmente nos permitiu o que nossos personagens refletiam em nós mesmos e desenvolvê-los sem limites. Eu tive que cavar mais afundo da vilania e descobrir a verdade por trás daquela fachada de pessoa fria da Cheryl. Ela ela é uma jovem quebrada e solitária tentando se encontrar. Ela manipula e brinca com todos como um mecanismo de defesa, porque ela já foi bastante magoada no passado. Mas apesar disso, ela é bastante destemida e eu definitivamente me identifico com ela nesse quesito. Ela não tem medo de falar o que pensa.”

Sobre o empoderamento feminino:

“Se você olhar para os quadrinhos dos anos 50, as mulheres amavam o Archie ou alguma outra pessoa. Elas brigavam por homens com outras mulheres o tempo todo. Na série, as mulheres se juntam e colocando sua amizade em primeiro lugar. Um ótimo exemplo disso é o episódio ‘Body Double’, quando Betty e Veronica, Cheryl e Ethel se juntam para lutar contra um abuso sexual em Riverdale. Enquanto eu crescia, eu sempre tive esse pensamento que eu precisava namorar alguém para me sentir válida – e várias outras coisas que tem relação com a forma que adolescentes são representados na TV. Você quase nunca vê uma garota do ensino médio que não estava em um relacionamento ou não estava buscando um. Em Riverdale, eu espero que nós possamos mostrar uma completa e diferente noção de juventude; você não precisa estar em um relacionamento para ser feliz, e ser uma mulher forte e independente é algo poderoso. Eu realmente espero isso da série.”

Tudo que Madelaine falou é uma verdade absoluta e mais uma coisa que diferencia Riverdale de outras séries. Certeza que ainda teremos muitos assuntos importantes sendo abordados na série e pelos próprios atores que sempre tem a preocupação de apontar para assuntos tão importantes e que realmente precisam ser discutidos de forma mais frequente – especialmente nas séries que são um meio direto de comunicação com tantos jovens ao redor do mundo.

E bem, como já sabemos, toda entrevista para alguma revista, é acompanhada de um photoshoot incrível. Vamos apreciar mais um pouco nossa Cheryl Blossom, por favor:

Riverdale foi renovada para a segunda temporada e amém porquê teremos mais da Blossom.

Mais uma vez, o cast de Riverdale nos fazendo ficar ainda mais apaixonados pela série e pelos atores <3