Fale conosco

O que vc está procurando?

Destaque

Quem é o responsável pela exaustão e comportamento do Justin Bieber?

Não temos dúvidas de que Justin Bieber está vivendo um grande sonho, mas, imagine só, você desde criança – sem pausa pra viver a própria vida como ir para a escola, namorar as coleguinhas, ir ao cinema, passear no parque como qualquer outra pessoa – tendo que sacrificar tanta coisa da sua vida? Rodar o mundo inteiro e mal conseguir sair do hotel por causa do mar de gente e imprensa esperando na rua… é como viver como um peixinho num aquário

https://68.media.tumblr.com/527399f98d010e8e5c3859db1be99955/tumblr_nxtautge1f1r91uyxo1_500.gif

O que o garoto precisa fazer para mostrar para o mundo que ele é humano? Não justificando seus erros, mas tentando entender: será que as polêmicas que ele tanto se envolveu (e continua se envolvendo, mesmo que sem querer) são uma válvula de escape para que ele mesmo perceba que não é perfeito e está passível a erros como todo mundo?

O negócio é que ele já percebeu. Seu último álbum, “Purpose“, traduz exatamente esse pensamento, onde o cantor reflete sobre suas ações do passado e como ele acabou perdendo seu propósito de vida no meio de tanta loucura no mundo da indústria musical e da fama.

http://49.media.tumblr.com/6550db00a5308b970b69a6f57b013883/tumblr_nxtw6ybFJw1ujgbu9o1_500.gif

Então pensando pelo lado bom, ele conseguiu superar tudo isso, não é mesmo? Já que ele conseguiu produzir um material sobre seu propósito (o mais bem sucedido comercialmente) e se reencontrou como ser humano, então está tudo bem, né? Bom… vamos parar e analisar como anda a situação hoje, quase dois anos após o lançamento do álbum.

Justin acabou se tornou uma máquina e não parou de divulgar o “Purpose” desde o lançamento. Ele está claramente exausto no meio de uma turnê que se estende desde o começo de 2016, e no final contará com 161 shows realizados ao redor do mundo inteiro. Isso é perceptível em apresentações, aparições públicas e até em entrevistas. Repare nos anúncios da turnê, logo no começo, há mais de 1 ano, e no anúncio da turnê de estádios pelos Estados Unidos, há 3 meses:

Aqui, no começo da divulgação, Bieber se mostra bem mais elétrico, empolgado com o início dos shows e disposto a divulgar a turnê.

Já aqui, Justin praticamente nem divulga a turnê, Ellen o faz enquanto ele apenas dá um sorrisinho pra plateia e toma a sua bebida.

Essas coisas nos fazem pensar: o garoto está cansado e precisa urgentemente de uma pausa. Ele vem trabalhando sem parar loucamente, desde quando estourou, para uma indústria que quer sugar dinheiro dele a todas custas, o tempo todo. Por isso, Bieber não tem mais tanta vontade de dar entrevistas, promover singles em premiações e até tirar fotos com fãs. Todo esse “veneno” da fama afetou sua vida pessoal, tanto que ele perdeu a vontade até de ter Instagram por um tempo – uma coisa que ele adorava fazer, que era tirar suas fotinhas no espelho!

https://68.media.tumblr.com/30783498c05e275c2a0730792b008615/tumblr_nxtw6ybFJw1ujgbu9o2_500.gif

E sobre as fotos pagas com fãs, ele afirmou que não tira mais por se sentir um animal num zoológico, um mero pedaço de carne na frente de pessoas que ele conhece por frações de segundo, nem conversam e apenas tiram uma foto. Mas, se você reparar, ultimamente o cantor tenta se encontrar com os beliebers de forma gratuita, andando na rua, cumprimentando, conversando, entregando presentes…

O questionamento final que fica é: essa falta de humanização vem do caráter do artista ou do que a indústria acaba contribuindo para eles se tornarem? O que sabemos, é que Justin não é a única vítima dos efeitos colaterais da fama… muitos outros artistas que trabalharam incansavelmente, sem pausas, tendo seu dinheiro sugado por empresas, acabaram se machucando muito nas mãos da fama, como Britney Spears e Lindsay Lohan.

https://s-media-cache-ak0.pinimg.com/originals/12/e6/c4/12e6c4051308361b04ddf86ff6b7dbec.gif

Agora, o que a gente espera é que a mídia e as empresas deem merecidas férias para Bieber, e torcermos para que todo esse sucesso não danifique ainda mais a vida do pequeno Kidrauhl.

Como nós, belierbers, podemos ajudar? Comente!