Lili Reinhart desabafa no Twitter sobre doença mental que enfrenta

Na última quarta-feira (4), a nossa queridinha Beth de Riverdale fez um desabafo no Twitter! Lili Reinhart falou sobre a sua luta contra a dismorfia corporal.

Em uma série de tweets, a atriz de Riverdale disse que estava chateada após receber críticas dizendo que ela não tinha o direito de se sentir desconfortável sobre sua aparência.

Tudo começou após Lili ceder uma entrevista para a revista americana Haper’s Bazaar onde apontou que “Marilyn Monroe era uma garota voluptuosa: tinha seios e não tinha uma cintura de 60 centímetros. Para mim, isso é o mais inspirador e me faz sentir que meu corpo pode ser aceito“.

A declaração viralizou na rede social e alguns fãs começaram a repreendê-la, porque segundo eles, seu corpo não lhe dava o direito de falar sobre a preocupação com a aparência. Como resultado, Lili escreveu:

“Dizer a alguém que ela não merece se sentir insegura porque seu corpo está ‘bem’ ou ‘desse jeito’ é errado. Isso faz parte do problema. Isso é parte do body-shaming,”

“Eu nunca vou entender como alguém pode ser tão covarde a ponto de se esconder atrás de seu telefone e dizer a um estranho que seus sentimentos são irrelevantes e que ele está ‘choramingando’, só porque eles acham que você representa alguma figura ou forma ideal.”

Algumas horas depois, a atriz voltou ao Twitter para compartilhar seus sentimentos após o incidente.

“Estou me sentindo realmente desanimada pelo fato de que muitas pessoas estão dizendo, ‘Você é magra, pare de falar sobre aceitar seu corpo’. Como se minha dismorfia corporal fosse irrelevante por causa da minha aparência para algumas pessoas. Ou eu não tenha curvas o suficiente ou eu não sou magra o suficiente para me sentir insegura.”

Assim, suas declarações tomaram um tom mais sério

“Espero que este exemplo ajude a mostrar um problema significativo que está acontecendo hoje com garotos e garotas. É por isso que as pessoas com problemas de saúde mental – depressão, distúrbios alimentares, dismorfismo corporal – às vezes não recebem a ajuda de que precisam porque estão envergonhadas e acabam ficando quietas.”

 Lili finalizou pedindo para que as pessoas compreendam aqueles que sofrem de doenças mentais.

“A doença mental piora quando as pessoas dizem que você não tem o direito de se sentir do jeito que está se sentindo. Não encoraje esse comportamento. É destrutivo. Mais destrutivo do que você imagina. Você pode não entender a insegurança de alguém, mas respeite-a.”

 

A dismorfia corporal é um transtorno psicológico onde a pessoa acredita ter defeitos físicos que não possui ou então, possui em um nível mínimo, mas acredita ser acentuado. São pensamentos que chegam a ser delirantes, no qual o indivíduo tem “rituais” obsessivos como se olhar no espelho buscando defeitos.

A protagonista de Riverdale em outra entrevista no início do ano, havia revelado que sofria de dismorfia corporal, onde afirmou que foi desencadeada devido à uma acne grave que se desenvolveu quando ela estava na sétima série. Da mesma forma, não é a primeira vez que Lili enfrenta críticas.

Beatriz Lemos

Pisciana e estudante de jornalismo, viciada em música, devoradora de livros e séries, sonhadora que ama viajar, mesmo sem sair do lugar.

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.

Copyright ©2019, Febre Teen - Todos os direitos reservados | Inovalize