Aladdin: Jasmine é o espelho da princesa moderna que irá inspirar novas gerações de mulheres

O live-action de ‘Aladdin’ está entre nós. Na última quinta-feira, 26, o filme estreou em todos os cinemas ao redor do mundo. Em uma lista de grandes personagens – até mesmo novos, a princesa Jasmine ainda é o grande destaque da produção. A responsável por dar vida ao papel da alteza é Naomi Scott.

Reprodução/Walt Disney Pictures

+ Leia a crítica do live-action de Aladdin clicando aqui.

A princesa sonha em ser livre para tomar suas próprias decisões e vai em busca do seu destino, despedindo-se do palácio e indo para as ruas da cidade de Agrabah. Não muito diferente da animação, o live-action explora ainda mais a força da personagem e com isso, pode inspirar novas gerações, de crianças, adultos e princesas.

Diferente da maioria, ela não busca o amor, ela busca ser a primeira sultana da sua linhagem familiar, tendo o seu destino escrito pelo pai. Na história, Jasmine sonha em ser livre para conseguir tomar suas próprias decisões e decide ir em busca do seu destino, despedindo-se do palácio e desbravando as ruas de sua cidade. Até que, conhece Aladdin e pouco a pouco percebe que eles têm coisas em comum.

Quando Jafar, o vizir do Sutão, ameaça dominar o reino, os dois encontram um gênio divertido e decidem unir forças para pôr fim nos planos do vilão.

Reprodução/Walt Disney Studios

Em entrevista ao EW, Naomi revelou que a canção original do clássico filme da Disney: “A canção que a Jasmine canta se conecta com tudo a respeito de seu arco narrativo. É sobre encontrar a sua voz”.

A atriz também revelou que antes de interpretar a princesa, ela tinha uma paixão pela história e personalidade. “A princesa Jasmine é genuinamente uma das minhas princesas favoritas quando eu era pequena. Era ela e a Pocahontas, com certeza. Eu amo que no filme o objetivo principal da Jasmine é realmente proteger o seu povo; fazer o certo por eles. Ela tem um lindo arco narrativo, em que ela vai de pedir o que quer para apenas pegar, mostrando que ela é uma líder”, disse.

Jasmine, Moana, Pocahontas, Merida e Elsa, são os reflexões das princesas da atualidade, elas inspiram não só crianças e mulheres ao redor do mundo, mas sim princesas que estão preparadas para conquistar o seu próprio reinado ao invés de procurar o seu grande amor.

“Ela é o verdadeiro significado de princesa. Uma princesa não precisa encontrar o amor para encontrar a força. Ela é feliz na própria pele e luta pelo que acredita”, disse Paola Oliveira, ao sair da exibição de Aladdin. “Ela é forte, destemida e corajosa. Ela não precisa de ninguém para lutar. Ela é o que o movimento feminista mostra. A Disney entregou uma princesa da vida real”, continuou.

O filme está em exibição em todos os cinemas brasileiros. Corram e confira essa história linda de superação e coragem.

André Luiz Freitas

23 anos, viciado em músicas, séries, filmes e shows! Instagram: @andreluizfreitas_

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.