Fênix Negra: bilheteria despenca e filme quebra recorde negativo!

Se os últimos filmes de X-Men já tinham causado um estranhamento nos fãs, o último episódio da franquia sob os comandos da Fox não foi diferente. X-Men: Fênix Negra estreou nas telonas há pouco mais de duas semanas e já acumulou uma série de decepções.

No curto período em que está em cartaz, o longa atingiu uma avaliação de 23% no Rotten Tomatoes, além de ter tido a pior semana de estréia da história da franquia e a maior queda de bilheteria na segunda semana de exibição da história dos filmes de super-heróis.

(Reprodução/ Trailer Oficial)

Após o bombardeio de críticas negativas, até mesmo o diretor e roteirista do filme, Simon Kimberg, se desculpou publicamente pelo fracasso de sua produção, afirmando que se o público não se conectou o suficiente com a obra a culpa é dele.

Segundo o Deadline, se esse ritmo de bilheteria se mantiver, a estimativa é de um prejuízo de mais de 100 milhões de dólares. Levando em conta que na segunda semana de exibição houve uma queda de 72.6% nas arrecadações, a expectativa é de que o cenário piore.

Infelizmente, a repercussão negativa do filme produzido pela Fox pode atrasar a aparição dos mutantes no UCM. O The Hollywood Reporter chegou a publicar a declaração de um produtor importante dentro do Universo Cinematográfico da Marvel, este, apesar de não ter sido identificado, afirmou que não há pressa para trazer os X-Men para o mercado após Fênix Negra, mas que quando eles retornarem a franquia da Marvel Studios se estenderá por mais dez anos.

Não é bem a despedida que os fãs esperavam, mas resta a esperança de que, em um futuro próximo, a Marvel Studios possa fazer um trabalho que honre com as histórias icônicas e emocionantes que os mutantes tem a oferecer.

 

Carolina Oliveira

22 anos, publicitária, colecionadora de CDs, fascinada pelos hinos pop dos anos 90 e apaixonada por Friends. Instagram/Twitter: @callmecarou

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.