Cena indecente de ‘Toy Story 2’ é deletada pela Disney

Com o lançamento de “Toy Story 4“, um trecho dos ‘erros de gravação’ que são passados durante os créditos de “Toy Story 2” (um clássico dos filmes feitos pela Pixar) viralizou nas redes sociais, onde o personagem Pit Fedido sugere um teste de sofá para que duas bonecas Barbie apareçam no próximo filme, assista o trecho:


Tradução: “Então, vocês duas são absolutamente idênticas? Você sabe, tenho certeza que eu poderia conseguir um papel para vocês em ‘Toy Story 3’. Desculpe! Estamos de volta? Ok garotas, ótimo conversar com vocês, sempre que precisarem de dicas de atuação, vou ficar feliz em ajudar. Ok, até mais!

Todos os gestos e maneira de abordagem do personagem na cena, mostram que nem de perto, é uma brincadeira inocente. John Lasseter, co-fundador da Pixar e diretor de animação da Disney admitiu que havia cometido alguns “erros” com algumas colegas de trabalho, e no último ano (felizmente) deixou seus cargos pois foi denunciado no movimento “#MeToo” que repercurtiu em Hollywood onde mulheres denunciavam os abusos que sofreram na indústria.

A cena foi considerada imprória pela Disney, e foi deletada nos relançamentos dos filmes em DVD, Blu-Ray, entre outros. O estúdio foi procurado por alguns veículos de mídia, mas não se pronunciou sobre o assunto.

Doloroso saber que a má índole usa até de mecanismos mais inocentes para propagar esse tipo de discurso. Felizmente, esse tipo de comportamento não está mais sendo tolerado.

 

Laís Tello

19 anos. Estudante de Relações Internacionais. Perdida em meio a livros ou músicas. Talvez os dois.

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.