13 Reasons Why: Relembre os momentos mais marcantes da série

A 4ª e ultima temporada de ‘13 Reasons Why’ está com os dias contados para estrear na Netflix. A tão esperada formatura finalmente chegou. Porém, antes dessa despedida, os alunos da escola Liberty precisarão lidar com segredos e escolhas difíceis que poderão mudar suas vidas para sempre.

A última parte dessa historia será lançada no dia 5 de junho e para assistir em grande estilo essa final, fizemos um pequeno resumo para você se lembrar de tudo o que rolou nas últimas temporadas.

1ª Temporada

A série conta a história de Hannah Baker (Katherine Langford), uma menina que se matou – não sem antes deixar 13 fitas sobre 13 pessoas que foram os motivos de seu suicídio. Para dar início a história, Tony (Christian Navarro), amigo de Hannah, é deixado com a responsabilidade de entregar as fitas para as pessoas que contribuíram para a morte da jovem. Entre os personagens que se envolvem na história, Clay Jensen (Dylan Minnette), que trabalhava com a menina em cinema da cidade, se tornou próximo dela em vida, é o último a receber as fitas.

Ele então, começa a investigar se todas as situações eram verídicas e descobre também sua própria culpa na história. Além dele, outros adolescentes da escola, recebem as fitas detalhadas sobre como cada um deles tornou-se um motivo para que a adolescente cometesse suicídio.

Assim que a história começa a se desenvolver por conta das fitas, descobrimos que, dentre outras atitudes irresponsáveis, Hannah foi estuprada por Bryce Walker (Justin Prentice). Assim, ele começa a lutar para que a justiça por Hanna seja feita e as fitas acabem indo para os tribunais, culpabilizando os detratores, mas é impedido por Bryce e sua turma. No fim das contas, um julgamento finalmente acontece, e terminamos a temporada assistindo Alex (Miles Heizer) dando um tiro em sua própria cabeça e Tyler (Devin Druid) abrindo um compartimento de armas em seu quarto.

 

2ª Temporada

Os pais de Hannah não se calam diante das fitas da filha e levam o caso para os tribunais, responsabilizando não apenas os alunos como também partes que foram negligentes, a exemplo do diretor Mr. Porter (Derek Luke). Tyler, no entanto, é espancado e estuprado por Montgomery (Timothy Granaderos) e sua turma, por ter delatado ao tribunal sobre as fitas.

Depois que Justin foi preso com Bryce pelo que aconteceu na noite do estupro de Jessica, toda a esperança pareceu perdida, principalmente porque ele não tem pais que possam lutar para que ele tenha alguma chance de ter uma vida saudável. É por isso que a família de Clay decide adotá-lo, oferecendo um ambiente familiar e amigável pela primeira vez em sua vida.

Logo quando as coisas estão finalmente melhorando para Justin, seu vício em heroína ressurge como um possível conflito a ser explorado na temporada. No tribunal, descobrimos que Bryce cometeu mais delitos de assédio e estupro, mas ele acaba sendo condenado a apenas três meses de serviços comunitários.

 3ª Temporada

A temporada anterior terminou com Tyler se preparando para cometer um atentado durante o baile da escola. Até que, Clay descobre o que vai acontecer e corre para fora, antes que o atirador entre no local; os dois discutem e ele consegue convencê-lo a desistir da ideia, então Tyler vai embora. Em seguida, Justin e Jessica chegam, eles encontram Clay com a arma enquanto a polícia chega ao local.

O que não esperávamos é que Bryce Walker é encontrado morto na noite do baile. Ali todos são suspeitos, Clay se une a Ani (Grace Saif), e os dois decidem investigar o assassinato falando com as pessoas que tinham algo contra Bryce. De forma nova, a série trabalha em uma narrativa nova.

Ani, a aluna nova, conduz a narrativa e passeia pelas histórias de todas as pessoas, criando um panorama que nos faz perceber como todos ali possuem seus devidos segredos. Montgomery se relaciona sexualmente com um homem e o espanca depois, passando a acobertar também os segredos deixados para trás por Bryce. E claro não podemos esquecer que Ani trabalhou na casa de Bryce e se relacionou com ele antes de sua morte, tornando-a também uma suspeita.

Jessica trabalha no coletivo que criou para denunciar casos de assédio e estupro no colégio, ocasionando em um grande protesto no grande jogo de futebol americano colegial que precede a morte de Bryce. Alex jogou Bryce no lago depois de o mesmo ter sido espancado por Montgomery, matando-o.

No final, Montgomery vai para a prisão e a terceira temporada encerra com o público descobrindo que ele foi supostamente morto na cadeia por ser um estuprador, mas o rapaz com quem ele se relacionava aparece para cobrar a verdade e assim termina o episódio.

André Luiz Freitas

EDITOR DE CINEMA/TV - E aí, que tal falarmos sobre música, série e filmes? Me chama lá @andreluizfreitas_

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.