Fale conosco

O que vc está procurando?

Música

Mãe de Any Gabrielly emociona com história de como ultrapassou obstáculos para realizar o sonho da filha

(Lucas Muller/Mateus Aguiar)

Muitos pais passam por diversos obstáculos para ajudar no futuro dos filhos, e foi o caso da mãe de Any Gabrielly, do Now United.

Priscila Franco deu uma entrevista ao Uol se abrindo sobre o passado e detalhou tudo o que passou para que a filha pudesse realizar o sonho de cantora, atriz e dançarina. Por mais difícil que tenha sido o começo de tudo, é lindo ver o quanto elas batalharam juntas e o resultado está aí: uma garota incrível, talentosa, carismática e alcançando cada vez mais sonhos.

Como todos os pais, Priscila sempre quis dar do bom e do melhor para que Any pudesse chegar onde quisesse com os recursos dados pelos pais, mas antes disso, ela passou por muitas coisas. A mãe da cantora contou a história de sua família e disse que precisou trabalhar desde os 13 anos em uma loja e não é de se estranhar que ela queira dar o melhor para a filha. Quando Any tinha apenas um aninho, ela vivenciou a sua primeira experiência com o racismo quando perguntaram se a criança havia sido adotada por conta da cor de sua pele. A cantora do Now United é filha de um pai negro e mãe mestiça, e sofreu com isso na escola.

“Fiz questão de colocar a Any numa escola de elite e pagar trabalhando de qualquer forma. Cheguei na escola e disse: ‘Precisa de recepcionista? Eu fico trabalhando aqui com o que precisar no período que a Any está na aula’. Também fiz propaganda da escola e consegui desconto por trazer novos alunos. Logo no início, ela era a única negra na sala. Sentia olhares estranhos como se julgassem que minha filha tivesse ‘defeito’ pela cor. Até que um dia um garoto jogou bananas na Any. Na primeira vez que a ela me contou, eu disse: ‘não vai ser a primeira, nem a última vez. Você vai ter que aprender a se defender. Seja educada e fale com a coordenadora’. Só que foi piorando e um dia ela chegou em casa chorando, desesperada, triste pra caramba.”

(Reprodução/Instagram)

Os pais de Any se separaram e Priscila teve a sua filha mais nova, Belinha. Mas foi um período completamente difícil pra ela porque havia sido denunciada de algo que não fez e perdeu a guarda de Any, que ficou na casa de uma tia (a qual ensinou várias coisas sobre o mundo da música). Nesse tempo, ela lutava para conseguir a guarda da filha de volta e conseguiu após 6 meses.

Tanta luta tinha que resultar em algo incrível, e foi aos poucos que Pri se inscreveu em cursos gratuitos e trabalhava para dar o melhor para Any e chegou a trabalhar em um banco. A vida delas era uma correria entre cursos, aulas em que precisava ser exemplar para não perder a bolsa e vida pessoal, indo de um lado para o outro da cidade.

O trabalho duro de Priscila e toda essa luta fez com que ela criasse duas meninas maravilhosas e conseguiu realizar o sonho de Any. As três já mostraram o real significado da palavra família e são super unidas, o que dá para perceber através das redes sociais e quando as encontramos em eventos. A mãe sempre posta fotos e mensagens falando o quão orgulhosa é de suas filhas e não tem coisa mais linda do que ver o sorriso no rosto de uma mãe satisfeita o com o trabalho que fez.

(Reprodução/Instagram)