Júlio Cocielo poderá ser preso por racismo em denúncia feita pelo Ministério Público

O caso do Júlio Cocielo está em análise e o influenciador poderá ser preso dependendo do resultado.

O nome do Youtuber já foi envolvido em caso de racismo e o mais comentado foi durante a Copa do Mundo de 2018, quando ele fez um tuíte sobre o jogador Mbappé correndo em campo e o comparando com situação de arrastão. Cocielo chegou a pedir desculpas e se explicou pela piada de mau gosto.

Segundo a promotora Cristiana Moeller Steiner, o influenciador chegou a fazer várias publicações racistas desde 2011 até 2018 e suas redes sociais voltaram a ser investigadas. A juíza Cecilia Pinheiro da Fonseca aceitou a denúncia feita pelo Ministério Público e Cocielo poderá passar de 2 até 5 anos na prisão se for condenado.

O advogado do Youtuber chegou a comentar sobre os casos e disse que o Ministério Público distorceu os acontecimento, afirmou que as piadas do jovem de 27 anos não o tornam racista, além de que Cocielo se considera afrodescendente e faz brincadeiras relacionadas às próprias condições.

Leticia Annes

Editora do Febre Teen Insta/Twitter: @le_annes

Não há comentários ainda

Comentários

Seu email não será publicado.