Bridgerton: Phoebe Dynevor revela a cena de sexo mais difícil de gravar: “Instruções muito específicas”

As cenas picantes de sexo estão muito presentes em “Bridgerton” e Phoebe Dynevor contou qual delas foi a mais difícil e explicou o motivo.

As cenas de sexo de “Bridgerton” viraram um dos tópicos mais discutidos quando o assunto é a nova série de sucesso da Netflix.

+ Spoilers da 2ª temporada de “Bridgerton” te deixarão ansioso para os novos episódios

Em uma entrevista a Glamour, Phoebe Dynevor, que interpreta Daphne Bridgerton, falou novamente sobre o assunto e acabou revelando que a cena mais difícil de gravar foi a do terceiro episódio onde Regé-Jean Page, que faz Simon Basset (Duque de Hastings) encoraja a “noiva” a se masturbar.

“Essa foi a cena mais difícil de filmar. Isso quer dizer algo, porque houve muitas cenas difíceis de filmar. Eu ensaiava tanto com Regé que ambos sabíamos o que estávamos fazendo. Parecia muito prático. Mas, sozinha, é uma coisa diferente.”

A atriz ainda contou qual foi o pedido da equipe para essa cena.

“As instruções eram muito específicas: você precisa ter um orgasmo. É uma coisa difícil de ensaiar, o que quer dizer que você não ensaia. Você apenas faz.”

+ Você com certeza não reparou nesses erros históricos em “Bridgerton”

Mas ela contou que o que a confortou e a deixou mais segura para realizar o ato foi a coordenadora de intimidade que estava sempre presente nas cenas de sexo.

“Eu sempre volto ao fato de que Lizzy estava no set para aquela cena. Se não tivéssemos uma coordenadora de intimidade, seria o nosso diretor, que era homem, vindo até mim e me dizendo o que fazer. Isso teria sido estranho. Eu me senti tão seguro em saber que Lizzy estava lá, então se algo desse errado ou o diretor quisesse algo diferente, ele poderia falar com ela primeiro. Acho que teria sido uma experiência muito difícil se Lizzy não estivesse no set me protegendo e cuidando de mim. Ninguém quer que um homem diga como chegar ao orgasmo. [Risos]”

 

Karen Cesar

Twitter: @kaarencesar Instagram: @karencesar_

Os comentários estão desativados.