Taylor Swift dá o troco em parque de diversões que a processou pelo nome de seu álbum

Não brinque com a Taylor Swift, porque ela tem todas as cartas nas mangas. 

No começo do mês de fevereiro, Taylor Swift se deparou com uma situação complicada ao ser processada por um parque de diversões dos Estados Unidos por utilizar o nome “Evermore” em seu novo álbum, que é o mesmo do estabelecimento. O motivo que causou o processo foram as grandes complicações que eles estão sofrendo com as buscas online.

A cantora tem todas as cartas na manga e soube como virar o jogo. Segundo a Rolling Stones, a equipe de Taylor Swift achou como solução processar o parque por utilizar as músicas da artista sem autorização, o que poderá causar prejuízos financeiros para o estabelecimento.

+ Taylor Swift faz homenagem aos fãs com o relançamento de ‘Love Story’

As canções que podem ser ouvidas enquanto as pessoas se divertem pelo parque são “Love Story“, “You Belong With Me” e “Bad Blood“. Segundo a equipe da cantora, essas músicas foram licenciadas entre maio e dezembro de 2019, mas o parque continuou utilizando sem autorização após esse período.

Eles precisarão pagar uma taxa por conta da violação e parece que esse foi mais um caso ganho por Taylor Swift!

Leticia Annes

Editora do Febre Teen Insta/Twitter: @le_annes

Os comentários estão desativados.