Fale conosco

O que vc está procurando?

Música

Taemin terminará serviço militar obrigatório como funcionário público por conta de saúde

Taemin terminará serviço militar obrigatório como funcionário público por conta de saúde
Reprodução/Divulgação SM Entertainment

O serviço militar obrigatório na Coreia do Sul é um dos assuntos mais temidos pelos fãs de K-pop e uma polêmica. São cerca de 22 meses que os idols são retirados de suas vidas comuns para prestar serviços ao exército do país que há anos enfrenta uma guerra contra a vizinha, Coreia do Norte. Taemin, integrante do SHINee, é um dos que estão cumprindo serviço.

Mas as coisas não vão muito bem. A SM Entertainment, empresa que gerencia a carreira do idol e do grupo que ele participa, emitiu uma nota oficial dizendo que Taemin foi retirado do serviço ativo e cumprirá os meses restantes como funcionário público por conta do agravamento da depressão e síndrome do pânico. A empresa garantiu que o idol está recebendo o tratamento adequado até o fim de seu serviço militar (programado para acabar mais ou menos no final de 2022).

Os fãs foram surpreendidos com a notícia de que Taemin sofria de depressão e síndrome do pânico antes do alistamento e se preocuparam com o idol, mesmo que a empresa tenha garantido que ele está recebendo tratamento adequado. O nome do integrante do SHINee foi parar nos assuntos do momento no Twitter com mensagens dos shawols – fanbase do grupo.

SHINee is Back! Grupo libera show de comeback completo e data de novo álbum

Agora sendo um funcionário público, Taemin poderá retornar a sua casa no fim do expediente e terá folgas agendadas, que não era possível quando participava ativamente do exército coreano. Desejamos tudo de melhor para o idol e que ele tenha o melhor tratamento do mundo! Fighting, Taemin!