Joshua Bassett fala sobre ataques homofóbicos que sofreu logo após se assumir

Joshua Bassett fala sobre ataques homofóbicos que sofreu logo após se assumir
Aos poucos Joshua Bassett está se abrindo cada vez mais sobre sua sexualidade e sobre ter se assumido publicamente.

Joshua Bassett se assumiu queer durante uma entrevista à Clevver News, em maio, ao falar sobre Harry Styles. Muita gente levou seu comentário na brincadeira e não acreditou no momento. Mas, mais tarde, ele publicou uma declaração em suas redes sociais e em uma entrevista à GQ, o ator confirmou que realmente havia se assumindo queer no vídeo e falou sobre estar feliz de fazer parte da comunidade LGBTQ+.

Desde então, a estrela de “High School Musical: The Musical: The Series“, vem se abrindo cada vez mais publicamente sobre sua sexualidade.

Quando decidiu se assumir

Em uma entrevista à Attitude Magazine, Joshua Bassett falou, então, ainda mais sobre o assunto, inclusive sobre o momento em que decidiu se assumir publicamente.

“Escrevi a declaração em menos de cinco minutos e não havia nenhuma parte de mim que estivesse ansiosa, nenhuma parte de mim que estivesse hesitante. Parecia tão certo. Eu a publiquei e nunca olhei para trás. Foi libertador. Não foi nada como eu esperava que fosse.”

Homofobia

Porém, se assumir fez com que o cantor recebesse alguns ataques homofóbicos na internet, infelizmente.

“Foi a primeira vez que fui submetido a muita homofobia. Você sabe, eu pareço ‘hétero’ para todo mundo que conheço, e eu tive que ver isso [homofobia] em primeira mão. Ver isso colocou as coisas em perspectiva, de quão longe ainda estamos. Achei que estivéssemos muito mais evoluídos do que estamos”.

Mas, entre tanto preconceito e hate também há muita mensagem positiva que o encoraja cada vez mais a ser um exemplo para muitos da comunidade LGBTQ+ e aquece seu coração.

“No outro lado de tudo isso estão as respostas que recebi de pessoas dizendo: ‘Nunca ouvi alguém colocar em palavras exatamente como me sinto’ ou, ‘Muito obrigado por me ajudar a ser visto’. , ‘Eu não posso ser quem eu sou perto da minha família, mas por causa de você me sinto um pouco mais seguro, um pouco mais em casa’.

Isso faz com que tudo valha a pena. As pessoas podem me odiar para sempre e dizer a coisa mais desagradável possível, mas não mudará nada, porque você precisa se manter firme e encarar essas pessoas como um defensor de todas as pessoas sem voz.”

© 2023 - FebreTeen.com.br.